Como deve ser um bom Site Médico?

Tempo de leitura: 3 minutos

Em nosso artigo sobre a Importância de um Site Médico, explicamos, detalhadamente, que ter um site é essencial e necessário para a sua estratégia de Marketing Médico. Por isso, se você decidiu que quer fazer um site médico para conquistar pacientes, ao invés de perdê-los, é preciso ficar atento a resposta da pergunta: “Como deve ser um bom site médico?”. Confira:

Como deve ser um bom site médico?

1 – Manual de Publicidade do CFM:

Antes de começar qualquer trabalho de Publicidade e Marketing na área da saúde, é necessário conhecer quais as regras da publicidade médica do CFM.

Através do conhecimento desse código de ética, que regulamenta a profissão, você saberá o que pode e o que não pode ser feito na hora de divulgar os seus serviços e especialidades através do site.

Por este motivo, é recomendado que o seu site seja feito por uma empresa especializada em Marketing Médico para garantir que todas as normas e condutas sejam obedecidas.

2 – Arquitetura e Layout:

Você, com certeza, já entrou em algum site e quando viu que ele era antiquado, mal feito ou que não dispunha facilmente das informações que você procurava, sua primeira reação foi sair do site e procurar um outro que atendesse à sua busca. Estou errado?

Para que não aconteça o mesmo com você, o seu site precisa ser estruturado de forma simples e intuitiva a fim de fazer com os seus visitantes encontrem as informações que procuram com rapidez e facilidade.

Além disso, ele necessita de um design moderno para gerar credibilidade, profissionalismo e fazer com que a experiência do visitante seja considerada boa. Neste caso, a preocupação deve ser com a disposição das categorias, com as imagens, marca e cores utilizadas.

3 – Site Responsivo:

Você sabe o que é um site responsivo? Por definição, um site responsivo é aquele que se adapta a todos os tamanhos e tipos de tela. Ou seja, se ele for aberto em um celular ou em um notebook terá uma disposição organizada das informações.

A importância dessa responsividade se dá por dois principais motivos:

O primeiro deles é com relação aos acessos à internet através de dispositivos móveis. Segundo pesquisa da TIC Domicílios, 47% dos brasileiros usam o telefone móvel para navegar na web. Por este motivo, seu site precisa estar preparado para o visitante que vier através dos dispositivos móveis.

Já o segundo motivo é com relação ao SEO (Search Engine Optimization), que falaremos detalhadamente no próximo tópico. O Google, principal buscador da internet, está sempre atualizando suas diretrizes e algoritmos e recentemente anunciou irá priorizar sites responsivos em resultados de busca. Ou seja, se seu site oferece uma boa experiência em qualquer tamanho de tela, a chance dele ser melhor ranqueado é muito maior.

4 – SEO:

Por último e não menos importante, temos as estratégias de SEO. Mas, você sabe o que é SEO?

SEO é a sigla de: “Search Engine Optimization” que quer dizer otimização para buscadores. Ou seja, são otimizações de páginas da internet, seja de um site ou blog, para que ela seja melhor compreendida pelos buscadores e, como consequência disso, o site seja melhor posicionado nos resultados de busca.

A importância principal de utilizar essa estratégia é vista em um dado importantíssimo: 75% dos usuários nunca passam da primeira página do resultado de busca.

Sabendo da importância de ter um site e das estratégias necessárias para que ele traga um resultado positivo, chegou a hora de realmente começar a produzi-lo. Para facilitar a sua vida, a Communicare Marketing Médico, está oferecendo uma avaliação gratuita do seu Marketing Digital. Basta clicar no banner abaixo!

Avaliação Gratuita - Marketing Médico

Artigos Relacionados:

Comentários

Comentários